carro

Cordilheira dos Andes na América do Sul

Andes Mountain Range In South America

A Cordilheira dos Andes, localizada na América do Sul, é uma das cadeias montanhosas mais impressionantes e imponentes do mundo. Estendendo-se por aproximadamente 7.000 quilômetros ao longo da costa oeste do continente sul-americano, essa majestosa cordilheira oferece paisagens deslumbrantes e uma rica diversidade de vida selvagem. Desde picos cobertos de neve até vales profundos e desfiladeiros dramáticos, os Andes são um destino imperdível para os amantes da natureza e aventureiros em busca de experiências únicas no coração da América do Sul.

Geography

As planícies altas (3000-5000 m) das Montanhas dos Andes estão em primeiro plano. Salar de Arizaro (primeiro plano) é o maior dos lagos secos nesta vista. No centro, as duas zonas, a Puna e as Sierras Pampeanas, apresentam um contraste impressionante. As montanhas das Sierras Pampeanas são mais baixas e possuem menos vulcões jovens.

Os Andes na Argentina e no Chile;

A região nos países Venezuela, Colômbia e Equador.

The northern part has two ranges. They are the Cordillera Occidental () and the Cordillera Oriental (). The term cordillera comes from the word meaning ‘rope’.

Na Colômbia, ao norte da fronteira com o Equador, a Cordilheira dos Andes se divide em três cadeias paralelas: ocidental, central e oriental.

No norte, a Sierra Nevada de Santa Marta é uma cadeia montanhosa isolada, separada da cordilheira dos Andes que atravessa a Colômbia. Alcançando uma altitude de 5.700 metros acima do nível do mar, a apenas 42 km da costa caribenha, a Sierra Nevada é a cordilheira costeira mais alta do mundo.

A porção ocidental da Cordilheira Oriental do leste é a única que se estende até…

A cordilheira dos Andes tem uma largura de aproximadamente 200 km ao longo de todo o seu comprimento, exceto na Bolívia, onde chega a ter 640 km. As ilhas do Caribe Holandês, Aruba e Curaçao estão localizadas próximo à costa da Venezuela e são os topos submersos da borda norte da cordilheira dos Andes.

Cordilheira dos Andes na América do Sul: Geologia

Os Andes são formados por processos causados pela colisão das placas tectônicas sob a América do Sul. Ao longo dos anos, a América do Sul tem se movido para o oeste, resultando na subducção da placa oceânica abaixo dela e no surgimento da cordilheira dos Andes. Essa colisão é resultado do movimento contínuo para o oeste da América do Sul.

A formação dos Andes modernos teve início durante os eventos do período Mesozoico, quando a Pangeia começou a se fragmentar e várias placas tectônicas se desenvolveram. Foi nesse período que os Andes começaram a adquirir sua forma atual, através de processos de elevação e colisão das antigas crostas continentais no leste. A ascensão dos Andes não foi constante e diferentes regiões experimentaram diferentes graus de estresse, elevação e deformações.

Clima na Cordilheira dos Andes na América do Sul

O clima nos Andes varia dependendo da área, altitude e proximidade com o mar. A seção sul é fria e fresca. Os Andes centrais são secos. Os Andes do norte geralmente são chuvosos e quentes, com uma temperatura média de 18°C na Colômbia. O clima pode mudar drasticamente em curtas distâncias, como acontece próximo ao pico coberto do Cotopaxi. As montanhas têm um grande impacto nas temperaturas das áreas próximas. A altitude varia de 4.500 a 4.800 metros nos Andes tropicais do Equador, Colômbia, Venezuela e norte do Peru, chegando a 4.800-5.200 metros nas montanhas mais secas do sul do Peru até o norte do Chile até cerca de 30°S; depois desce para 4.500 metros no Aconcágua a 32°S, 2 mil metros a 40°S, 500 metros a 50°S e apenas 300 metros a partir de aproximadamente55°S; abaixo dos50 ° S muitas das maiores descem ao nível do mar.

You might be interested:  O Carro Mais Bonito do Mundo

Os Andes do Chile e da Argentina podem ser divididos em duas zonas climáticas: os Andes Secos e os Andes Úmidos.

Onde fica a cordilheira dos Andes na América do Sul?

A Cordilheira dos Andes é uma imensa e bela cadeia de montanhas que percorre toda a costa oeste da América do Sul. Essas montanhas se estendem por mais de 6.400 quilômetros, desde a Colômbia, no norte, passando pelo Equador, Peru, Bolívia, Chile e Argentina até chegar à Terra do Fogo, no extremo sul do continente.

Essa cordilheira é conhecida por sua grandeza e beleza natural. Ela abriga algumas das paisagens mais impressionantes do mundo, com picos nevados majestosos e vales profundos cortados por rios caudalosos. Além disso, os Andes são lar de uma diversidade incrível de flora e fauna.

Os Andes também têm um papel importante na história e cultura da região. Eles foram habitados há milhares de anos pelas civilizações indígenas que desenvolveram culturas avançadas nas altitudes elevadas dessas montanhas. Hoje em dia, muitos povos indígenas ainda vivem nas áreas próximas aos Andes e preservam suas tradições ancestrais.

Cordilheira dos Andes na América do Sul: Vegetação

Anteriormente, as florestas tropicais ocupavam grande parte dos Andes do norte, mas agora estão reduzidas, especialmente nas regiões interandinas da Colômbia. Essa diminuição se deve principalmente à agricultura, cultivos ilegais e ao crescimento populacional.

A região dos Andes é conhecida por suas encostas predominantemente secas, localizadas principalmente no oeste do Peru, Chile e Argentina. Essa área, juntamente com muitos vales interandinos, geralmente apresenta um clima seco e árido, resultando em paisagens quase desprovidas de vida.

Existem cerca de 30.000 espécies de plantas que vivem nos Andes. Aproximadamente metade delas são endêmicas da região, o que significa que só podem ser encontradas lá. Uma dessas espécies é a pequena Cinchona pubescens, conhecida por suas propriedades medicinais no tratamento de certas doenças. Essa planta é amplamente distribuída pelos Andes, chegando até a Bolívia. Além disso, os Andes também são responsáveis pela origem de outras culturas importantes como a batata e o milho.

As florestas e bosques de alta altitude de Polylepis são encontrados nos Andes da Colômbia, Equador, Peru, Bolívia e Chile. Essas árvores são chamadas de Queñua, Yagual e outros nomes. Elas crescem a altitudes de 4.500 m acima do nível do mar. Ainda não está claro se o padrão dessas florestas é natural ou resultado do desmatamento que começou há muito tempo atrás. Independentemente disso, em alguns momentos o desmatamento ocorreu em um ritmo mais rápido e agora restam poucas árvores. Alguns acreditam que apenas 10% da vegetação original ainda esteja presente hoje em dia.

Quais são as três principais cordilheiras dos Andes?

A Cordilheira Oriental está localizada mais próxima da região leste dos Andes e possui altitudes variadas ao longo de sua extensão. A Cordilheira Central fica no meio das outras duas cordilheiras e apresenta algumas das montanhas mais altas da América do Sul, incluindo o famoso pico Aconcágua. Já a Cordillera Ocidental está situada mais próxima à costa oeste dos Andes e também possui picos impressionantes.

Entre as cordilheiras, encontram-se planaltos elevados conhecidos como altiplanos. Essas áreas têm uma altitude considerável e são caracterizadas por paisagens áridas ou semiáridas. Além disso, há vales férteis que são irrigados pelos rios que fluem através dessas terras altas.

Os rios desempenham um papel importante na formação da geografia dos Andes. Eles cortam os vales entre as cordilheiras, criando belíssimas paisagens naturais ao longo do caminho. Esses rios também fornecem água para agricultura nas áreas próximas aos Andes, tornando-os vitais para as comunidades locais.

You might be interested:  Trocar um pneu furado no meu carro

A Fauna da Cordilheira dos Andes na América do Sul

A região dos Andes possui uma grande diversidade de vida selvagem. Com quase 1.000 espécies, sendo aproximadamente 2/3 endêmicas, os Andes são considerados a região mais rica do mundo em termos de biodiversidade.

A fauna dos Andes é rica e diversificada, com quase 600 espécies de animais (13% endêmicas), mais de 1.700 espécies de aves (1/3 endêmicas), mais de 600 espécies de répteis (45% endêmicas) e quase 400 espécies de anfíbios (1/3 endêmicas).

O condor andino pode ser encontrado vivendo nas montanhas dos Andes, enquanto o vicunha e a alpaca, que são espécies relacionadas ao condor, são comumente criados pelos habitantes locais como animais de carga e para obterem suas lãs. A taruca e a huemul, duas espécies ameaçadas da ordem Artiodactyla, habitam as regiões alpinas dos Andes. O ñandu-real é a maior ave do seu tipo na América do Sul e vive em grande parte dos Andes, embora em números muito baixos. Outros animais encontrados nas áreas abertas das altas montanhas incluem o guanaco, vizcacha e raposas do gênero Pseudalopex. Quanto às aves, algumas espécies de tinamus (membros do gênero Nothoprocta) estão presentes nos Andes: inambú-da-cordilheira , inambú-de-barriga-branca (principalmente associado aos lagos), perdiz-dos-Andes , tataupá-dos-Andes , macuco-andino , inhambu-galinha-do-mato-andino , carijó-dos-Andes-e-cardeiro -finches..

Quais são 3 fatos sobre a Cordilheira dos Andes?

A cúpula do Monte Chimborazo, nos Andes, é o ponto mais alto do planeta quando medido a partir do centro da Terra. Os Andes são a cadeia de montanhas mais longa do mundo. As batatas e os tomates têm origem nos Andes.

Lista:

– O Monte Chimborazo possui a cúpula mais alta em relação ao centro da Terra.

– Os Andes são considerados a maior cadeia de montanhas globalmente.

– As batatas e os tomates tiveram sua origem nos Andes.

Onde fica Los Andes?

Los Andes é uma cidade e comuna chilena localizada na província de mesmo nome, na Região de Valparaíso. Foi fundada em 31 de julho de 1791 com o nome Santa Rosa de Los Andes. A cidade está situada na Cordilheira dos Andes, uma imponente cadeia montanhosa que se estende por vários países da América do Sul.

A região onde Los Andes está localizada é conhecida como a Quinta Região do Chile. Ela faz parte da província homônima e está situada dentro dessa área geográfica. A cidade tem um papel importante nessa região, sendo considerada um centro urbano significativo para os moradores locais.

Os Andes são famosos por sua beleza natural impressionante e são uma das principais atrações turísticas do Chile. Essas montanhas majestosas oferecem paisagens deslumbrantes, trilhas para caminhadas e oportunidades para esportes ao ar livre, como escalada e esqui. Los Andes se beneficia dessa proximidade com as montanhas, tornando-se um ponto estratégico para quem deseja explorar essa maravilha natural única no continente sul-americano.

Cordilheira dos Andes na América do Sul

– Arquivado em 24 de setembro de 2010. Acesso em 11 de dezembro de 2010.

– Arquivado em 14 de dezembro de 2007. Acesso em 9 de dezembro de 2007.

– Arquivado em 15 de dezembro de 2007. Acesso em 9 de dezembrode2007.

– Referência: biodiversidadehotspots.org

Cordilheira dos Andes na América do Sul

Os Andes são uma cordilheira localizada no continente sul-americano. Com aproximadamente 7.000 km de extensão, eles atravessam sete países: Venezuela, Colômbia, Equador, Peru, Bolívia, Chile e Argentina. Os Andes são conhecidos por sua grande diversidade geográfica e paisagens deslumbrantes que incluem montanhas imponentes cobertas de neve, vales profundos e planaltos áridos. Além disso, essa cordilheira abriga várias espécies endêmicas de flora e fauna adaptadas às condições extremas encontradas nas altitudes elevadas dos Andes.

Quantos conjuntos formam os Andes?

Na Colômbia, a Cordilheira dos Andes se estende de forma geralmente norte-sul e é composta por três cadeias distintas: as Cordilheiras Oriental, Central e Ocidental. A Cordilheira Oriental está localizada no lado leste do país e é caracterizada por suas altitudes mais baixas em comparação com as outras duas cordilheiras. Ela abrange uma vasta extensão territorial, desde o nordeste até o centro da Colômbia.

You might be interested:  O Funcionamento de um Consórcio de Carros

A Cordilheira Central fica no centro do país e possui algumas das montanhas mais altas da Colômbia. Essa região montanhosa é conhecida por sua beleza cênica deslumbrante, com picos cobertos de neve que se destacam contra um céu azul claro. Além disso, a Cordilheira Central abriga importantes cidades colombianas como Bogotá, a capital do país.

Por fim, temos a Cordilheira Ocidental situada na parte ocidental da Colômbia. Essa cadeia montanhosa apresenta uma topografia acidentada e íngreme, com vales profundos esculpidos pelos rios que fluem para o Oceano Pacífico. É nesta região que encontramos alguns dos vulcões ativos do país.

P.S.: Os Andes são uma importante característica geográfica da América do Sul e exercem grande influência nas condições climáticas locais. Sua imponência proporciona paisagens incríveis para os amantes de aventura e ecoturismo explorarem durante suas viagens pela região andina colombiana.

Andes mountains: Which country?

A Cordilheira dos Andes está localizada na América do Sul, ao longo da borda ocidental do continente. Ela se estende desde a Venezuela até o extremo sul da América do Sul, abrangendo aproximadamente 9.000 km de extensão total. Ao longo desse percurso, ela atravessa países como Equador, Peru e Bolívia.

1. A Cordilheira dos Andes começa no norte da Venezuela.

2. Ela segue em direção ao sul através da Colômbia.

3. No Equador, os Andes dividem-se em duas cadeias montanhosas principais: a Cordilheira Ocidental e a Cordilheira Oriental.

4. No Peru, os picos mais altos dos Andes podem ser encontrados, incluindo o famoso Machu Picchu.

5. A cordilheira continua sua jornada pelo território boliviano antes de chegar à Argentina.

7. Os Andes também passam pelo Chile central e continuam até o extremo sul do país.

8. O ponto mais alto das Américas é encontrado nos Andes: o Monte Aconcágua com cerca de 6 mil metros de altitude na Argentina.

9.Os vulcões são uma característica marcante dessa cordilheira; alguns ainda estão ativos hoje em dia

10.Apesar de serem uma barreira natural para muitas regiões vizinhas aos Andes (como desertos), eles também fornecem água para irrigação nas áreas próximas às encostas.

Essa lista destaca algumas informações sobre a localização geográfica e características dos Andes, a maior cadeia montanhosa do mundo.

Quantas montanhas existem nos Andes?

A Cordilheira dos Andes, localizada na América do Sul, é uma das cadeias montanhosas mais impressionantes e extensas do mundo. Estima-se que haja cerca de 1.000 ou mais montanhas nos Andes, porém apenas 114 picos possuem nomes específicos. Essa imponente cordilheira se estende ao longo de toda a borda oeste da América do Sul e atravessa partes de sete países diferentes.

Entre os inúmeros picos dos Andes, três se destacam como os maiores: Aconcágua, Cotopaxi e Huascarán. O Monte Aconcágua é o ponto culminante não só da Cordilheira dos Andes como também de todo o continente americano, com seus impressionantes 6.960 metros acima do nível do mar.

O Cotopaxi é outro pico famoso na cordilheira andina que atrai alpinistas experientes em busca de aventura. Com aproximadamente 5.897 metros de altitude, esse vulcão ativo oferece vistas espetaculares aos corajosos que se aventuram até seu cume.

Já o Huascarán está localizado no Peru e possui duas principais elevações: Huascarán Norte (6.768 metros) e Huascarán Sur (6.655 metros). Essas montanhas são um verdadeiro desafio para os alpinistas, mas também proporcionam uma experiência única e inesquecível.

Além desses picos notáveis, a Cordilheira dos Andes oferece muitas outras oportunidades de exploração e aventura. Trilhas incríveis, como o Caminho Inca no Peru ou o Circuito W no Parque Nacional Torres del Paine, no Chile, permitem que os visitantes apreciem toda a grandiosidade dessa cadeia montanhosa.

Em suma, os Andes são muito mais do que apenas uma cordilheira impressionante. Eles representam um tesouro natural com sua rica biodiversidade e paisagens espetaculares. Explorar essa região é mergulhar em um mundo de beleza selvagem e descobertas fascinantes.